Política

“Sou um vereador que sempre estará ao lado do povo”, afirma Carpegiane Silvestre

O vereador Carpegiane Silvestre (PROS) assume a presidência da Câmara Municipal de Senador Canedo, após afastamento do Dr. Reinaldo por recomendação médica, e garante que manterá seu perfil popular. Segundo ele, o poder legislativo vai fortalecer o diálogo com a população. Silvestre também defendeu a transparência e a harmonia entre os vereadores. Confira a entrevista completa.

Jornal Expresso – Como o senhor recebe esse novo desafio de presidir a Câmara de Vereadores de Senador Canedo?

Carpegiane Silvestre – Assumo a presidência da Câmara Municipal de Senador Canedo com muito compromisso e seriedade. Para mim, é um desafio importante porque sei como essa função é fundamental para o desenvolvimento da cidade. Acompanho os trabalhos do legislativo como vereador e também tive a experiência de ver meu pai, Itamar Silvestre, atuar como vereador e presidente da casa. Meu objetivo é trabalhar com transparência e cada vez mais próximo da população. Também vamos atuar pela harmonia dentro da casa.

 

Jornal Expresso – De quanto tempo vai ser este afastamento e como ficam os trabalhos na casa? Fala-se de um acordo para que esse afastamento seja até o final deste ano procede?

Carpegiane Silvestre – O vereador Dr. Reinaldo se afastou da presidência da Câmara por recomendação médica. Ele estava afastado por 60 dias e precisou ampliar o período da licença para fazer todo o tratamento necessário. A previsão é de que ele fique afastado por quatro meses. Torcemos pela plena recuperação do Dr. Reinaldo e vamos trabalhar dentro da Câmara Muncipal cada vez mais pelo bem-estar da população.

 

Jornal Expresso – A Câmara tem reforçado o diálogo com a sociedade nos últimos tempos, esse trabalho vai continuar em seu mandato, com os projetos de comunicação e ampla divulgação nos veículos de imprensa?

Carpegiane Silvestre – Esse trabalho vai continuar sim. Vamos fortalecer o diálogo com a população e para isso precisamos divulgar o que fazemos dentro da casa. A informação faz toda a diferença para as pessoas terem acesso aos serviços públicos e para o exercício da cidadania.

 

Jornal Expresso – Seu pai Itamar Silvestre, ex-vereador, já foi presidente da Câmara. Com ampla experiência, ele colabora com seu mandato? De que forma?

Carpegiane Silvestre – Meu pai sempre foi um político de atuação exemplar. Ele sempre me aconselha muito sobre a importância do trabalho social. Ele sempre pensa muito na população. Temos perfis parecidos e, ao mesmo tempo, somos diferentes. Tenho meu jeito de fazer política e juntando as duas experiências temos feito um bom trabalho na cidade. E acredito que daqui para frente só vai melhorar.

 

Jornal Expresso – O senhor defende o fim da cobrança da taxa de religação de energia/água e apresentou projeto de lei para vetar a cobrança. Esse projeto foi aprovado e tem sido muito elogiado pela população. Como surgiu esta iniciativa?

Carpegiane Silvestre – Sou um vereador que está com o gabinete aberto à população e no atendimento diário dos moradores de Senador Canedo percebi que a taxa de religação pesava muito na hora de quitar as dívidas de água e energia. O valor mais caro, geralmente, é a taxa e nem sempre o consumo com água e energia. Propus o projeto de lei para que o poder público colabore com o cidadão de baixa renda que, às vezes, fica sem o serviço porque não pode pagar o talão devido ao custo alto da religação.

 

Jornal Expresso – Quais são seus novos projetos para divulgar cada vez mais as ações dos vereadores em benefícios dos cidadãos?

Carpegiane Silvestre – Vamos retomar o projeto Câmara Itinerante em breve. A expectativa é que esse projeto volte às ruas de Senador Canedo em até 60 dias. Vamos fortalecer os projetos voltados para juventude de Senador Canedo e também para o esporte. Queremos elaborar projetos que auxiliem a vida das pessoas. Vamos cobrar do Poder Executivo ações para melhorar os serviços de saúde e educação. A Câmara será ativa na defesa do cidadão.

 

Jornal Expresso – Como foi essa articulação para uma nova eleição para presidente da Câmara Municipal, após a saída do Rodrigo Rosa? Um dos nomes cotados era o do vereador Vilmar Lima. Como surgiu o consenso em torno do nome do Dr Reinaldo?

Carpegiane Silvestre – Assim que o Rodrigo Rosa saiu da presidência da Câmara, começamos uma nova articulação. Observamos quem poderia sair candidato, eu não poderia devido ao cargo que ocupava na mesa diretora. Então, percebi que o Dr. Reinaldo poderia ser u excelente nome. O procurei e disse que ele teria grandes chances de ser eleito. Articulamos em torno deste novo nome, viajamos para Caldas Novas e decidimos que o Dr. Reinaldo seria o nosso presidente.

 

Jornal Expresso – Essa eleição gerou desgastes com o Prefeito Divino Lemes?

Carpegiane Silvestre – De início um pouco, mas depois as coisas foram se encaixando.

 

Jornal Expresso –  Qual a sua avaliação sobre a atual gestão do prefeito Divino Lemes?

Carpegiane Silvestre – No início do mandato do prefeito Divino Lemes, a população criou muita expectativa em relação à nova gestão. Esperávamos uma renovação positiva. Mas ele teve muitas dificuldades com os processos licitatórios e parte do secretariado não deu conta. Isso atrapalhou bastante, mas acredito que, a partir deste ano, vai melhorar bastante. Acho que dá tempo de recuperar. Recentemente, o prefeito veio à Câmara e falou sobre as novas obras. Estamos esperando melhorias.

 

Jornal Expresso – O que a população pode esperar do Carpegiane Silvestre?

Carpegiane Silvestre – Sou um vereador que sempre estará ao lado do povo. A população pode esperar uma forte atuação em prol dos projetos sociais. Acredito e defendo que o vereador, além de legislar e fiscalizar, tem que estar próximo da sociedade. Somos representantes do povo e eu não vou ficar omisso. Vou sempre estar em volta da população e à disposição para apresentar projetos e cobrar ações e serviços públicos eficientes.