Cidades

Fernando Pellozo tenta alterar salários sem projeto de lei e é denunciado na Câmara Municipal pela segunda vez

O prefeito de Senador Canedo, Fernando Pellozo, foi denunciado por tentar revisar salários dos servidores públicos por decreto e sem...

O prefeito de Senador Canedo, Fernando Pellozo, foi denunciado por tentar revisar salários dos servidores públicos por decreto e sem apresentar projeto de lei. A denúncia realizada pelo contador Elton Prates foi aceita pela Câmara Municipal nesta terça-feira (20) e será investigada por uma comissão especial de investigação.

Segundo o autor da reclamação, houve irregularidade na ação do prefeito, que também aprovou um reajuste salarial aos servidores, de 4,56%, por meio de decreto, desta forma cometendo improbidade administrativa.

Essa é a segunda denúncia contra o prefeito Fernando Pellozo que está sob investigação no legislativo. A primeira denúncia é sobre um contrato com um hospital privado para o tratamento de casos de Covid-19.

A comissão para investigar a nova denúncia foi formada por sorteio e os vereadores Vilmar Lima (PSDB), Leonardo Assunção (PL) e Sérgio Bravo Jr. (PL) vão integrar o grupo e faltam dois nomes que serão escolhidos nos próximos dias.

O vereador Reinaldo Alves (DEM) criticou a iniciativa do prefeito e afirmou que tal fato prejudica a relação dos poderes no município. De acordo com ele, o prefeitio ignora a lei e a existência do legislativo e isso é de uma incompetência gigante.