Cidades

Novo presidente do Ipasgo inicia revisão dos contratos com objetivo de equilibrar as contas e modernizar a gestão

Responsável pelo processo de modernização da previdência social de Goiânia, Silvio Fernandes promove auditoria nos contratos do Instituto de Assistência e prepara a implantação de novas ferramentas de gestão

O novo presidente do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo), Silvio Fernandes, iniciou o processo de auditoria nos contratos do órgão, com o objetivo de verificar a legalidade e reduzir custos. Médico e ex-presidente do Instituto de Previdência Social do Município (GoiâniaPrev), ele vai implantar um novo modelo de gestão no Ipasgo, com foco na modernização dos processos e na sustentabilidade financeira.

Responsável pela implantação da modernização da Previdência Social da Capital, que permitiu o pagamento da dívida histórica que o município tinha com aposentados e pensionistas e a reestruturação da legislação, Silvio Fernandes diz que, neste momento, uma de suas prioridades é tomar ciência da situação legal de cada um dos contratos que o Ipasgo possui.

“Estamos auditando os contratos e queremos otimizar a aplicação dos recursos financeiros com medidas administrativas simples e corretivas. Tudo será feito com parcimônia e tranquilidade, com o foco na eficiência e zelo com o dinheiro público. A ordem do nosso governador Ronaldo Caiado é para que cortemos os gastos, quando necessário e possível, e priorizemos a qualidade na prestação de serviços aos usuários”.

Segundo Silvio Fernandes, o trabalho desta nova gestão vai equilibrar o déficit que há no Ipasgo. “Estamos acompanhando todos os processos e em breve teremos um panorama da atual situação do Ipasgo. Vamos buscar soluções para o déficit do instituto porque entendemos que, para termos uma boa assistência aos nossos servidores, temos que cumprir com nossas responsabilidades e obrigações com os prestadores de serviços.”

Ele afirma que o propósito desta nova gestão é transformar o Ipasgo num plano de assistência de excelência. “Buscaremos as melhores práticas de gestão e tecnologias, assim como fizemos no GoiâniaPrev. Vamos trabalhar sempre com o intuito de melhorar a eficiência da administração pública”. Fernandes diz que, em breve, novas ferramentas, como gestão por processos, sistemas de tecnologia e programas de capacitação dos servidores, já começarão a ser implantadas no instituto.

Experiência em gestão e modernização
No Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Goiânia (GoiâniaPrev), Silvio Fernandes foi presidente por dois anos, entre 2017 e janeiro de 2019, onde atuou para a aprovação da nova legislação previdenciária, que permitiu o pagamento do déficit histórico que a administração possuía com os aposentados e pensionistas.

Foi responsável ainda pela implantação do sistema de tecnologia e gerenciamento eletrônico de documentos, pela gestão de processos em parceria com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL), pelo primeiro Programa de Capacitação dos Servidores do GoiâniaPrev, com a Fundação Dom Cabral, IEL, Escola de Governo Darci Accorsi e Instituto Brasileiro de Estudos em Finanças e Administração Pública.

No processo de modernização da Previdência de Goiânia, Silvio Fernandes estabeleceu a cooperação técnica com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para coibir fraudes na concessão de aposentadorias e pensões na Capital. Entre os anos de 2017 e 2018, Silvio Fernandes também foi presidente da Associação Goiana de Previdência dos Municípios e Estado (Agoprev).

Crédito das fotos: Edilson Pelikano