Cidades

Senador Canedo completa 32 anos de emancipação política

A cidade de Senador Canedo completa 32 anos de emancipação política nesta terça-feira, 1º. Considerada um dos municípios de maior...

DCIM100MEDIADJI_0094.JPG

A cidade de Senador Canedo completa 32 anos de emancipação política nesta terça-feira, 1º. Considerada um dos municípios de maior potencial de desenvolvimento na região metropolitana de Goiânia, tem pela frente o desafio de manter o crescimento econômico e superar a pandemia da Covid-19.

A origem de Senador Canedo se mistura à história de grandes personalidades, como a do primeiro político goiano que foi para o Senado Federal. De acordo com registros, pertencia ao senador Antônio Amaro da Silva Canedo, as terras que hoje é Senador Canedo, nos primeiros anos do século XX. Nas décadas de 30 e 40, estas propriedades ganharam outros donos, em que a atividade agropecuária se destacava, a região tornou-se rota das grandes boiadas, que saíam do norte do País ou do norte do estado de Goiás e eram conduzidas em direção à região Sudeste. Eram duas regiões onde eram os pousos das boiadas. A região do Bonsucesso (até hoje conhecida como Batata) e a região Bonito, que é divisa com o município de Bela Vista de Goiás.

Foi em 1953 que Senador Canedo deixou de ser apenas um povoado e foi elevado à condição de Distrito de Goiânia. Surgiu, então, o residencial Jardim Todos os Santos, nas terras do Padre Peclat. O religioso construiu a primeira igreja da cidade, a Igreja de Todos os Santos, e loteou e vendeu suas terras, que formaram o bairro, por um preço popular e dividido em muitas parcelas, favorecendo as pessoas com poucos recursos. No início da década de 1980, a cidade experimentou mais um crescimento populacional, com a chegada do transporte coletivo e também do projeto Goiás Hortigranjeira, aumentou a demanda por novas escolas de ensino fundamental.

O processo de emancipação da cidade de Senador Canedo se deu no dia 1º de junho de 1988. A cidade, em termos geoeconômicos, apresenta uma localização privilegiada, com acesso aos principais centros de distribuição de passageiros, cargas e de comercialização. Localidade de fácil acesso a importantes rodovias de integração estadual e federal, ao Porto Seco de Anápolis e ao Aeroporto Santa Genoveva de Goiânia, que são os principais centros de distribuição do Estado. Referência para escolha do munícipio como sede do Terminal da Transpetro, subsidiária da Petrobrás, e consequentemente do maior Polo Petroquímico da Região Centro Oeste.

O prefeito Fernando Pellozo comemora a história do Município lembrando que ele nasceu com a vocação de abrigar pessoas vindo de todas as partes do Brasil e com a facilidade de atrair grandes empresas, gerando bem-estar e qualidade de vida para a população. “A proximidade com a capital e a abundância de terras sempre favoreceu nosso município. Nos tornamos um município com potencial de atrair empresas, condomínios, e com uma forte vocação para o comércio e serviço. Isso colocou Senador Canedo em posição de destaque entre as cidades que orbitam Goiânia. Agora, nossa gestão trabalha para cuidar das pessoas, fazendo com que os avanços que a cidade precisa se transformem em benefícios pra a população. Os avanços de Senador Canedo irão refletir em melhora na vida das pessoas”, explicou.